P.S. eu te amo - Cecelia Ahern

Postado por Bia Carvalho

quarta-feira, 26 de setembro de 2012

"Você é forte, corajosa e vai conseguir passar por isso. Vivemos coisas lindas juntos e você fez a minha vida... Você fez a minha vida."
Pág. 29

Editora: Novo Conceito
Páginas: 365
Série: -
Faixa etária: 14+
Onde comprar: Saraiva

A História: Gerry e Holly eram amigos desde sempre. Completamente apaixonados, casaram-se muito jovens, e todos podiam jurar que nada poderia separá-los. Eles apenas não contavam com a morte.
Muito jovem, Gerry contrai um tumor no cérebro que lhe tira a vida. Desolada, Holly se afasta do mundo, esquece dos amigos, desiste de seu trabalho e de ser feliz. 
Contudo, Gerry tinha tudo planejado e preparou cartas para serem entregues a cada mês, até o final do ano, guiando Holly para sua vida sem ele, provando que o verdadeiro amor nunca morre.

Minha Opinião: Assisti ao filme P.S. eu te amo com uma caixa de lenços ao meu lado. Posso dizer que nenhum outro filme me fez chorar tanto quanto esse, mas ao mesmo tempo, possuía uma história tão alto astral (apesar de ser um romance dramático), que se tornou inesquecível para mim. Jamais poderia esquecer daquele amor tão profundo de Gerry e da forma como ele protegeu sua amada esposa até mesmo depois de morto. Contudo, o livro não me trouxe tantas emoções assim.
Cecelia Ahern escreveu esse livro, que acredito ser o seu maior sucesso até hoje, quando tinha apenas 21 anos, e é fácil ver sua falta de maturidade em algumas passagens, alguns diálogos, mas não podemos negar que é impressionante que ela tenha construído uma história de amor tão profunda, com dois personagens bem mais velhos que ela, de forma tão consistente. Ela é um talento nato.
Há um clima mais descontraído no livro, tanto que a família de Holly é maior, mais puxada para o pastelão, seus pais ainda estão juntos (diferente do filme, onde a mãe dela foi abandonada e rendeu as duas cenas mais emocionantes do mesmo) e todo o livro é passado na Irlanda, não apenas uma parte dele. Bem, nesse ponto o filme também foi mais mágico para mim. Posso dizer também que o final não me agradou tanto quanto o do filme.
Então vocês vão dizer: "Poxa, Bia, você não gostou do livro?" Não! Não é isso. Não há como não gostar de P.S. eu te amo, especialmente uma romântica incorrigível como eu. O problema é que o filme me levou às mais tenras emoções, me trouxe lágrimas incontáveis aos olhos, algo que o livro não proporcionou. Eu realmente tinha expectativas muito altas e acabei decepcionada, pois esperava uma história mais profunda e não um chick-lit. Talvez eu estivesse mal informada. Mea culpa.
De qualquer forma, o amor de Gerry e Holly é delicioso, a adição da penca de irmãos fanfarrões e cheios de manias me divertiu extremamente e eu me sinto mais completa agora que conheço as duas versões de uma história que é muito especial para mim.
Se vale a pena ler??? Com certeza!

Quantas estrelas:


Vídeo: Só de ouvir essa música já dá vontade de chorar. Da maravilhosa Sarah Maclachlan, I will remember you.

10 comentários:

AGRIDOCE testemunhou...

Bia, parece que esse foi o contrário de todo livro que vira filme? o filme foi melhor que o livro? Também adoro o filme, assisti lei lá quantas vezes e todas a chorona aqui desidrata , durante filme. To com o livro aqui do meu ladinho e é o próximo a ser lido. bjs flor.
Eykler

www.aghridoce.blogspot.com.br

Renata testemunhou...

Oi Bia!!! eu estou louca para ler esse livro. Acho que vou chorar MUITO!!
Bom saber que vc gostou a ponto de dar 4 estrela.
bjs

Nataly Gonçalves testemunhou...

Bia, também senti isso...quando eu comecei a ler pensei que iria chorar horrores como chorei no filme e no fim foi o contrário. Eu só não lembro o final do filme, mas gostei do final do livro.

Beijinhos

Verônica Sobreira testemunhou...

É assim mesmo Bia, te digo como estudiosa que é muito ruim ler o livro depois que viu o filme. Isso deve ser o contrário. Veja o flime tem certos ´parâmetros a obdecer que o livro jamais terá, o filme ele tem obrigação maior em agradar. Mas também há caso onde o filme supera o livro e ess me parece o caso de P.S.Eu te amo, ainda não me animei em ler por conta disso, te entendo.

Liachristo testemunhou...

Recebi o livro esta semana e ainda não li, mas pela sua resenha, já me desanimei um pouco. Pois, como você também assisti e amei o filme, e tinha grandes expectativas quanto ao livro. Mas, com certeza vou ler para conferir. Bjus
Lia Christo
www.docesletras.com.br

camila testemunhou...

Oi flor, bom é raro o livro ser igual ao filme, eu adoro a irlanda, e adorei aquelas passagens lá no filme.. Não sabia q a autora escreveu quando tinha 21.. isso é muito legal ^^

Beijoss
http://dailyofbooks.blogspot.com.br/

Elimar Machado testemunhou...

Eu fiz o caminho contrário de você: li primeiro o livro (uma versão clandestina... rs) e depois vi o filme. Menina, não consegui gostar do filme e amei o livro. Lembro que assisti com duas amigas que choraram o tempo todo e eu não consegui derramar uma lágrima. Foi algo muito louco. Mas com o livro, eu consegui me emocionar, apesar das várias tiradas engraçadas.

Biazinha testemunhou...

Eu amo esse filme já vi milhões de vezes e estou cheia de expectativa para o livro... doida para chegar a vez dele.
E vou confiar na sua avaliação do livro.tomara que valha mesmo a pena.
bjss

Bianca

Luiza Helena Vieira testemunhou...

Eu pensei que esse livro era meio que um adaptado do roteiro do filme. Me enganei completamente.
Adoro o filme. Lindo demais!

Luiza Helena Vieira
Obsession Valley

Kézia Lôbo testemunhou...

Entendo o que vc quis dizer em relação livro e filme, quando li PS. Eu te amo, acho que foi umas das primeiras aqui do Brasil e gostei demais... Claro que o filme em alguns aspectos ainda é melhor, mas mesmo assim eu gostei mais do livro!!! Essa edição da NC está linda e espero ler em breve =D

DÊ SEU TESTEMUNHO...