Talentos da casa - Demoníaco - Pandora Fairel

Postado por Bia Carvalho

segunda-feira, 2 de janeiro de 2012



Editora: Ed. Dracaena
Páginas: 240
País de Origem: Brasil
Faixa Etária: 18+
Onde Comprar: Saraiva, Site da Ed. Dracaena

História: Diablo Adler é um demônio. Especificamente uma súcubo. Filha de Lúcifer e Lilith, ela é linda, corajosa e mortal.
Há um ano atrás ela se cansou de sua vida medíocre no inferno e decidiu descer ao mundo dos humanos para protegê-los de demônios como ela, mas cheios de intenções cruéis.
Sua mais nova missão é matar um demônio responsável pelo estupro e assassinato de várias adolescentes, enquanto lida com a legião de demônios que seu pai envia para matá-la.
O problema? A inevitável atração que ela sente por esse mesmo demônio que precisa matar.

Minha Opinião: Antes de começar a resenha, um comentário totalmente fora de contexto: a modelo da capa de Demoníaco não parece a Alinne Moraes???? o.O
Bem, voltando à resenha:
Esse foi meu primeiro livro em parceria com a Ed. Dracaena, e fico feliz em dizer que gostei muito, muito mesmo da história. Mas não posso deixar de comentar que os vários erros de português, digitação e diagramação são evidentes. Deparei-me com sílabas separadas de maneira errada, repetição de palavras, erros em concordância verbal, dentre outros. Mesmo assim, ainda acho que foi uma excelente escolha para começar o ano.
Preferi colocar o ponto negativo do livro em primeiro lugar porque os positivos são muitos mais e, com certeza, mais importantes.
Como primeiro ponto positivo, vou citar a personagem principal, Diablo. Ela é incrível: sexy, com um humor afiado, totalmente "kick ass" e desbocada. Aliás, isso é um fato interessante na edição da Dracaena, eles não suavizaram o texto, o deixaram adulto, com palavras fortes nas horas certas. Ponto para eles e para a autora que não teve medo de ousar.
Alec também é um personagem interessante, mas completamente controverso, e confesso que pela primeira vez não torci por um personagem assim, torci pela outra ponta do triângulo amoroso, Harlam, o rapaz de quem Diablo rouba as energias durantes sonhos eróticos. Gostei da maneira como ele descobriu quem ela era e como participou da história.
Mais um fator a favor é que a escrita flui de maneira fácil e rápida. A autora não enrola em nenhum momento, além disso, é ação o tempo todo, até mesmo nas cenas mais tranquilas. Diablo não deixa o livro se tornar monótono, e tenho que citar que os diálogos são incríveis.
O final deixou um gancho incrível, e realmente espero que Pandora publique uma sequência. E pessoal, ela tem APENAS dezessete anos!
Eu ainda não li Anita Blake nem o livro da Jeaniene Frost,mas tenho uma leve impressão que o livro de Pandora não perde em nada para esses. Então, dêem uma chance para Diablo e seus demônios.

Sobre a autora: Pandora Fairel é brasileira, natural de Santa Catarina e tem dezessete anos. Está cursando o último ano do Ensino Médio e pretende cursar Cosmetologia e Estética, Artes Cênicas e Letras futuramente. É apaixonada por livros, teatro e sua paixão de verdade é a escrita. Demoníaco é sua estréia literária.

Quantas Estrelas:
Vídeo: Escolhi a música I´m not an angel do Halestorm, e o título já diz tudo.

13 comentários:

Naniedias testemunhou...

Nossa, eu não conhecia esse livro! Mas tenho que dizer que não só adorei a capa, como também a resenha me deixou com muita vontade de conferir a história \o/

Lariane testemunhou...

Opaaa, tbem não conhecia esse livro :D

Parece ser excelente.

Beijocas,
Lariane - Leituras & Devaneios

Danzinha testemunhou...

Nossa, como essa escritora é nova! O livro parece ser bom! Quando eu vi não pensei que fosse nacional, mas ainda bem que é.

Beijos

Amigas entre Livros

Laís Doce testemunhou...

Oie!! Feliz 2012!! Está rolando uma promoção bem legal no meu blog. confere lá: http://migre.me/7ozb9

Franciane testemunhou...

Vi essa capa e achei mt boa, mas confesso que o título do livro me deixou com medinho, sou daquelas que tem pesadelos por semanas... rs
Agora lendo a resenha o livro parece ser bem legal, gostei da agitação que você mencionou, e da protagonista ser uma mulher forte, nada contra as passivas, mas cansa ler sobre um mesmo tipo de personagem...

Aquela testemunhou...

Pontos p/ a editora que além de ter mantido o vocabulário da autora, ainda aceitou publicar alguém tão nova. Isso é muito bacana, ainda mais pelo fato do livro ser bom.

Fiquei interessada em saber mais sobre o "Diablo" hehe.

beijos
valerumlivro.mtv.uol.com.br

Ju A.S testemunhou...

Fiquei curiosa para ler! Adoro histórias sobrenaturais, e essa parece ser bem interessante! Quanto a capa que você disse que achou a pessoa parecida com a Aline Moraes, eu discordo: Ela se parece com o Bill Kaulitz da banda alemã Tokio Hotel! haha :)

Luiza (Evanescence Book) testemunhou...

Fique super tentada a ler esse livro,
a capa é simplesmente linda e a resenha não fica para trás

Lá se vai o meu dinheirinho,

Luiza

http://evanescencebook.blogspot.com/

Fátima Menezes testemunhou...

Proposta legal. Filha de Lilith e Lúcifer "boazinha"? E o papai ainda quer matá-la? Isso é que é família! Falando sério agora... gostei da proposta mesmo. Ando atrás de um bom livro sobre demônios estilo A Canção do Súcubo (que ainda não li, mas parece ser muito bom).

Fiquei curiosa, droga. Li um livro da Dracaena e encontrei vários erros ortográficos. Tomara que a editora concerte isso!

Abraços,

Fátima Menezes - @RecantoCaliope
http://recantodecaliope.blogspot.com

Pandora Fairel testemunhou...

Oii Bia!
Então, fico feliz que você tenha gostado do livro, da história em si e tudo mais. Quanto a revisão, acho que foi por falta de atenção minha também, porque foi passado para eu revisar também e tudo mais, mas enfim. Fico feliz que tenha gostado, sério mesmo xD
Obrigadíssimo pela resenha, viu? E sucesso com o seu livro também!

Beijão,
P.

Bruno Marukesu testemunhou...

Oi Bia :)
Bom, eu venho cobiçado esse livro há meses. Tanto que nem me lembro, ao certo, onde vi ele pela primeira vez. A capa é MUUUUUUUUUITO linda. Até hoje não vi uma capa brasileira mais bela do que essa.
O enredo criado pela Pandora é fascinante. Meses atrás, eu não sabia o que significava uma súcubo; só fui saber graças a resenhas que vi do livro falando o que era.
Não tenho dúvidas de que vou amar a Diablo. E gosto quando autores optam pelas "palavrões" sem censurá-los até pq na vida real a gente não censura os palavrões, né?
Parabéns pela resenha, Bia, e pela parceria com a editora Dracaena (que espero conseguir ano que vem). Bjs :*

http://peregrinodanoite.blogspot.com.br

DÊ SEU TESTEMUNHO...